crédito rural

Crédito rural: Como funciona e as novidades para 2020/2021

- 30 de setembro de 2019

Atualizado em 19 de agosto de 2020.
Crédito rural: Saiba o que mudou, os recursos liberados, taxas de juros e como você deve fazer para conseguir seu financiamento.

Você sabe como funciona? E as modalidades de crédito?

Pois bem, para safra 2020/2021, o orçamento está maior! São R$ 236,3 bilhões destinados para o crédito rural – R$ 13,5 bilhões a mais que a safra passada.

Esses recursos são destinados para custeio, comercialização, industrialização de produtos e investimentos em bens e serviços na propriedade

Existem várias linhas de crédito e uma delas com certeza pode te atender! Confira no artigo as novidades e algumas regras para este ano.

Crédito rural: como funciona?

O crédito rural faz parte do Plano Safra e visa o desenvolvimento econômico e social do setor rural. Existe verba para custeio do ciclo produtivo, investimento na propriedade, comercialização ou industrialização de produtos.

Em outras palavras: disponibiliza recursos para para custear e investir na lavoura em si, mas também em bens e serviços relacionados.  Existe verba até para reforma de moradias rurais.

Os recursos vêm do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) e de fundos constitucionais, entre outros, como você vê na imagem abaixo:

Ilustração de como funciona o crédito rural, de onde vem o dinheiro, quem oferece e quais os beneficiários

Como funciona o crédito rural
(Fonte: Banco Central do Brasil)

Como veremos a seguir, para cada ano/safra é feito um novo orçamento e algumas diretrizes são atualizadas. Também, existe mais de uma modalidade de crédito rural.

Por isso, precisamos estar atentos às normas. Vou explicar melhor a seguir.

>> Leia mais: “Contabilidade do agronegócio: 5 passos para não ficar no vermelho

Modalidades de crédito rural

O crédito rural pode ser corrente, educativo ou especial.

A modalidade corrente prevê apenas o fornecimento de recursos, sem a prestação de assistência ao produtor.

Já na modalidade educativa, os recursos são fornecidos juntamente com a assistência técnica, seja ela para orientar o produtor ou para elaboração de projetos.

Nos casos relacionados a cooperativas de produtores rurais ou programas de colonização e reforma agrária, a modalidade é a especial.

Dentro de cada modalidade temos algumas finalidades para as quais o crédito pode ser destinado.

Finalidade do crédito rural

São quatro finalidades de uso:

  1. Custeio agrícola: visa cobrir as despesas do plantio até a colheita.
  2. Crédito de investimento: visa aquisição de bens ou serviços duradouros, como a aquisição de um maquinário ou construção de benfeitorias.
  3. Crédito de comercialização: viabiliza a comercialização dos produtos no mercado, cobrindo as despesas próprias dessa fase.
  4. Industrialização: possibilita a industrialização dos produtos agropecuários, agregando valor aos mesmos.
foto de máquina vermelha colhedora em um campo de soja, uma das possibilidades de aquisição previstas no crédito rural

Aquisição de máquinas é uma das possibilidades previstas
(Fonte: Revista Globo Rural)

Anualmente, a maior parte da verba é utilizada para custeio. Neste ano, segundo o último relatório de desempenho do crédito rural, a tendência vem sendo a mesma.

Mas o que mudou no crédito rural desse ano?

Mudanças no crédito rural 2020/2021

O orçamento do crédito rural está dentro do Plano Safra do governo e, anualmente, esse plano é revisado e atualizado. Mas, além do orçamento, outras mudanças foram feitas em relação ao ano anterior.

O novo Plano Safra pretende atender desde pequenos (pessoa física) até grandes produtores com disponibilidade de recursos e taxas compatíveis para a atividade de cada um.

Comparação 2020/21 com a safra anterior

Comparação 2020/21 com a safra anterior
(Fonte:  DCI/SPA/MAPA)

O crédito destinado aos seguros rurais é de R$ 1,3 bilhão, o maior desde a sua criação e deve possibilitar a cobertura de mais de 50 bilhões de reais.

Foi dada atenção especial para que existissem condições diferenciadas para pequenos e médios produtores. Os juros foram reduzidos em relação ao ano anterior também.

Pequenos e médios produtores

Os recursos para pequenos produtores, via Pronaf (Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar), serão R$ 33 bilhões. A taxa de juros é de 2,75% ao ano para custeio da produção de alimentos básicos e 4% ao ano para comercialização/investimento.

O crédito disponibilizado para construção ou reforma das moradias rurais se manteve o mesmo da safra passada: R$ 500 milhões.

Os juros dependem da natureza do empréstimo e da classe de produtor rural, conforme você pode ver abaixo. De forma geral, os juros foram reduzidos e simplificados para alguns investimentos. 

tabela com taxas de juros do crédito rural 2020/2021 em comparação com o exercício anterior.

Taxas de juros 2020/2021 em comparação com o exercício anterior
(Fonte:  DCI/SPA/MAPA)

O médio produtor não se enquadra no Pronaf, mas pode se beneficiar do Pronamp (Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural), cujas verbas aumentaram em 25%, totalizando R$ 33,2 bilhões. 

Nesse caso, as taxas de juros são maiores: 5% ao ano para custeio, comercialização e industrialização.

Pequenos e médios produtores podem, ainda, financiar assistência técnica para sua produção.

Crédito rural para investimentos

Cerca de ¼  da verba do crédito rural é destinada para investimentos, totalizando R$ 53,4 bilhões: 6,5% a mais que para a safra anterior.

Como você pôde ver na tabela acima, são várias linhas de investimento disponíveis, cada qual com sua particularidade e regras. 

Devemos ficar atentos a isso na hora de pedir o crédito ou utilizar a verba!

E como fazer para conseguir o crédito rural? Vou explicar!

Como conseguir liberação do crédito rural 2020/2021

O financiamento pode ser direto, em que o produtor deve fazer a solicitação no site do BNDES. Já o financiamento indireto é feito por meio de um ou mais bancos credenciados, que encaminharão a proposta para o BNDES.

A liberação é feita diretamente ao agricultor ou por meio de cooperativas de produtores rurais e associações. Ocorre de uma só vez ou em parcelas, de acordo com as necessidades e cronograma do empreendimento.

Mas existem algumas exigências a seguir para conseguir a concessão de verba.

Primeiro, não deve ter restrição de crédito, ou seja, é preciso ter o “nome limpo na praça”.

A partir daí, deve-se apresentar um orçamento ou plano de utilização dos recursos que está requerendo. Em outras palavras, precisa informar o banco sobre o que vai fazer com o dinheiro emprestado.

crédito rural

Com o Aegro você faz seu orçamento em alguns cliques, com todos os dados organizados e de modo fácil de analisar

Como são várias linhas de crédito, cada uma tem seu cronograma de utilização. Deve-se obedecer os limites de crédito, prazos e carência de cada uma!

O manual do crédito rural (MCR) prevê que sejam obedecidas as recomendações e restrições dos zoneamentos agroecológico e ecológico-econômico para cada cultura e que sejamos fiscalizados pelo órgão financiador. 

Sem esses requisitos, nada feito! Fique de olho!

Esses foram os pontos principais que separei e que você precisa saber. Caso você queira saber mais mais detalhes, consulte as normas no MCR.

E uma curiosidade! Embora exista desde 1935, somente 30 anos depois é que o crédito rural passou a ser responsabilidade do Banco Central, com a criação do Sistema Nacional de Crédito Rural – SNCR.

As normas são feitas pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) e a operacionalização é feita pelos bancos e cooperativas de crédito, além de instituições financeiras integrantes do SNCR. 

Conclusão

Como pudemos conferir no texto, devemos sempre observar as normas para a obtenção do crédito crédito rural.

O volume total de recursos é o maior dos últimos anos e as taxas de juros foram reduzidas em relação ao ano passado.

As novidades do crédito rural 2020/2021 incluem uma maior verba ao pequeno e médio produtor, além de manter a possibilidade de investimentos nas moradias rurais.

Ele prevê ainda várias linhas de financiamento, muitas das quais podem se encaixar na sua realidade e no seu bolso!

>> Leia mais:

“Cédula de Produto Rural: entenda as mudanças e como elas impactam seu negócio rural”

 “Imposto de renda para produtor rural: Leis e normas para ficar atento

Funrural: 7 dúvidas mais comuns e atualizações para 2020

Restou alguma dúvida? Você já utilizou verba do crédito rural? Conte para gente nos comentários e continue nos acompanhando no blog. Grande abraço!


Comentários

  1. Osvaldo disse:

    Disponho de duas áreas de terras no nordeste. Uma de 30.000ha no Maranhão e uma outra de 13.000ha no sul do Piauí. Necessito desenvolver um projeto em ambas para o cultivo de soja e milho. Ambas as terras – embora 50% abertas, necessitam de investimentos desde a preparação do solo até a aquisição de maquinários agrícola, construção de sedes, armazenagem entre outros.

    1. Raíssa Natasha Ciccheli disse:

      Olá, Osvaldo
      Sou da comunicação da Aegro. Boa sorte em seus projetos, conte com a gente se precisar de auxílio na gestão e controle das lavouras. Veja mais sobre o Aegro: https://aegro.com.br/
      Abraço!

  2. Bom dia !
    Comprei um sítio em Colatina ES em Paul de Graça Aranha tenho 5 alqueires sendo um app, portanto tenho 4 para explorar.
    Projeto de peixe panga.
    Projeto de cacau
    Pode me ajudar ?
    Tem água própria no sítio
    Cordialmente
    Daniel Raphael Silva

    1. Raíssa Natasha Ciccheli disse:

      Olá, Daniel
      Sou a Raíssa da comunicação da Aegro. Cada área tem suas particularidades, por isso o ideal é a verificação e análise de um técnico ou engenheiro agrícola, assim ele te informará qual o cultivo adequado em sua propriedade.
      Obrigada por nos acompanhar. Abraço!

  3. Danielle disse:

    Tenho uma propriedade em Silvania-Go tenho interesse em um crédito para investimento, por onde devo começar?

    1. Raíssa Natasha Ciccheli disse:

      Olá, Danielle
      Sou da comunicação da Aegro. Para obtenção do crédito rural você pode buscar informações em bancos ou instituições financeiras. Mas também vale a pena pedir auxílio de uma contabilidade.
      Obrigada por nos acompanhar, abraço!

  4. Elissandro oliveira nogueira disse:

    Olá, meu pai tem uma propriedade rural em bom Jesus da Lapa Bahia, e outra na cidade vizinha de sitio do mato, uma é irrigada com plantio de 4.5 hectares de bananas e a outra e área sequeira de 86 hectares, eu gostaria de obter um financiamento para a compra de uma área de terras com produção de bananas já produzindo, gostaria de saber se é possível.

    1. fabricio rodrigues disse:

      sim você pode ter um financiamento para aquisição de terras que é o programa PNCF (PROGRAMA NACIONAL DE CRÉDITO FUNDIÁRIO) que financia o valor de até 140.000,00 mil reais, desde que obedeça os critérios do programa

  5. Carla Pedrotti disse:

    Recebi um terreno de herança, pensei em vender mas não compensa,recebi a proposta de montar dois aviários,mas não sei como fazer,se consigo financiamento tendo apenas o terreno? Nem q fosse para construção de apenas um pra começar? Por favor preciso de uma luz. Grata

    1. Raíssa Natasha Ciccheli disse:

      Olá, Carla
      Sou da comunicação da Aegro.
      Como é uma situação muito particular, recomendamos que você procure um consultor financeiro e agrícola antes de ir atrás do crédito rural.
      Esperamos que dê tudo certo em seus negócios.
      Abraço!

  6. Aldair disse:

    Tem linha de crédito para criação de peixe

    1. Raíssa Natasha Ciccheli disse:

      Olá, Aldair
      Sou da comunicação da Aegro.
      Existem sim linhas de crédito rural para piscicultura, você deve verificar junto a um consultor ou instituição financeira.
      Dê uma olhada em nosso Portal de Consultores: https://portal-consultores.aegro.com.br/
      Ficamos à disposição,
      Abraço!

  7. Manoel de Magalhães Neto disse:

    Olá pretendo comprar uma terra para criar suínos, peixe e frango
    Será que consigo um crédito rural?

    1. Raíssa Natasha Ciccheli disse:

      Olá, Manoel
      Sou da comunicação da Aegro.
      O Crédito Rural abrange recursos destinados a custeio, investimento ou comercialização referentes à sua produção. Para mais detalhes específicos sobre o seu negócio, indicamos que busque auxílio de uma consultoria. Temos algumas indicações em nosso portal: https://portal-consultores.aegro.com.br/
      Agradecemos por nos acompanhar.
      Abraço!

  8. Gostaria de saber se existe uma linha de crédito para comprar 1 imóveis rural uma vez que ainda não tenho nenhum imóvel rural

    1. Raíssa Natasha Ciccheli disse:

      Olá, Emilene
      Sou da comunicação da Aegro.
      Existem várias linhas de crédito para aquisição de imóvel rural, fornecidas por instituições financeiras e bancárias, porém recomendamos que antes você procure um consultor que possa te auxiliar da melhor maneira.
      Veja nossos consultores parceiros aqui: https://portal-consultores.aegro.com.br
      Agradecemos por nos acompanhar.
      Abraço!

  9. Bom dua
    Estamos fazendo parte de uma cooperativa
    E estamos tentando financiamento para compra de terra para agricuktura familiär
    Mas eles nos pediram varios documentos ,ate Foto de cartāo de banco pra conseguir o financiamento do pronaf
    Isso procede
    Diiseram que o dinheiro sera depositado em nossa conta

    1. Raíssa Natasha Ciccheli disse:

      Olá, Adriana
      Sou da comunicação da Aegro.
      É bom verificar se essa instituição financeira é de confiança, se é consolidada no mercado. Recomendamos que você também faça o pedido de financiamento em outra empresa para ter um comparativo do atendimento ou até mesmo procure uma consultoria contábil.
      Veja nossos consultores parceiros aqui: https://portal-consultores.aegro.com.br
      Agradecemos por nos acompanhar.
      Abraço!

  10. Oi, é possível pegar o empréstimo para financiar a propriedade? Quero me tornar agricultor

    1. Raíssa Natasha Ciccheli disse:

      Olá, Lucas
      Sou a Raíssa da comunicação da Aegro.
      O crédito rural pode auxiliar sim no financiamento da propriedade agrícola, mas recomendamos que você procure o auxílio de uma consultoria.
      Veja nossos consultores parceiros aqui: https://portal-consultores.aegro.com.br/

      Obrigada por nos acompanhar,
      Abraço!

  11. Matheus disse:

    boa tarde
    tenho uma dúvida. quem não tiver sua propriedade ainda inscrita no CAR não poderá ter o credito rural? como médio produtor.

    1. Raíssa Natasha Ciccheli disse:

      Olá, Matheus
      Sou da comunicação da Aegro.
      Sim, para se obter o crédito rural deve se ter a propriedade inscrita no CAR.
      Obrigada por nos acompanhar.
      Abraço!

  12. DUDA MONTEIRO disse:

    OLA , TEMOS UMA PROPRIEDADE E PRECISAVMOS DE CREDITO RURAL PARA GADO DE LEITE…..

    1. Raíssa Natasha Ciccheli disse:

      Olá, Duda
      Sou da comunicação da Aegro.
      O crédito rural pode ser solicitado por meio de instituições financeiras. Para uma decisão mais certeira, o ideal é ter auxílio de uma consultoria contábil.
      Temos um Portal de Consultores com consultorias parceiras, veja mais sobre elas aqui: https://portal-consultores.aegro.com.br/

      Agradecemos por nos acompanhar,
      Abraço! 🙂

  13. Gerson disse:

    Olá!!! Meu pai possui uma propriedade rural e gostaria de começar a criação de gado na propriedade. Porém, gostaria de saber se tenho como conseguir Crédito Rural, para efetuar a compra de gado? Somente possuo o talão de produtor, mas como vou começar a criação, não tenho ainda nenhuma movimentação no referido talão.

    1. Raíssa Natasha Ciccheli disse:

      Olá, Gerson
      Você pode solicitar crédito rural por instituição financeira ou você pedir auxílio de uma consultoria contábil que te ajude da melhor forma de acordo com a sua situação. Temos algumas indicações em nosso portal: https://portal-consultores.aegro.com.br/

      Agradecemos por nos acompanhar.
      Abraço!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *